• A Tribuna Do Cariri

Batalha contra o câncer de mama ganha audiência pública em Gurjão. Veja as imagens



A campanha Outubro Rosa, mês de prevenção ao câncer de mama, foi pauta de audiência pública realizada nesta sexta-feira (15), na Câmara Municipal de Vereadores de Gurjão.


À audiência teve início por volta das 09 horas, e contou com a presença do vice-prefeito de Gurjão, Fábio Coutinho, que representou Zé Elias, prefeito constitucional também das secretárias de saúde e ação social, Patrícia Martins e Layse Martins, além da diretora Noelma Farias.



O presidente da casa Marcelo Farias, após a abertura dos trabalhos, determinou que a sessão fosse presidida pela vice-presidente da casa, Niselma Martins.



Na ocasião foram realizadas palestras que destacava a importância do autocuidado e da permanência dos exames de rotina, o momento foi marcado também pelo testemunho de Jane Érica Barbosa e Verônica Ramos, mulheres diagnosticadas com a patologia, e graças ao diagnóstico precoce estão curadas.



Os que a acompanharam o evento tiveram a oportunidade de receber as informações sobe o tema na palestra ministrada pela, Drª. Ana Paula, médica do PSF ancora do município.

Dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de mama atingiu mais de 2,3 milhões de mulheres no mundo todo só no ano passado, com o maior índice de mortes, mas com alta chance de cura quando descoberto precocemente.


E Segundo a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM), houve queda de 70% na presença de mulheres nas unidades hospitalares desde março de 2020, quando teve início a pandemia do covid-19. De janeiro a julho de 2020, conforme reportagem da Agência Brasil, o número de mamografias realizadas caiu 45% em relação ao mesmo período do ano anterior, conforme pesquisa da Rede Brasileira de Pesquisa em Câncer de Mama, em parceria com a SBM.


O período é celebrado no Brasil e no exterior visando compartilhar informações e promover a conscientização sobre o câncer de mama, de modo a contribuir para a redução da incidência e da mortalidade pela doença além de fortalecer as recomendações do Ministério da Saúde para prevenção, diagnóstico precoce e rastreamento da doença.



Veja a audiência aqui.


A Tribuna do Cariri

0 comentário

BLOG