• A Tribuna Do Cariri

Bolsonaro diz que Aécio Neves derrotou Dilma em 2014



O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quarta-feira (07) que houve fraudes nas eleições de 2014 e que, ao invés de Dilma Rousseff (PT), o hoje deputado federal Aécio Neves (PSDB) foi eleito presidente da República.


O resultado divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostraram que Dilma obteve 54.501.118 votos (51,64%) e o tucano, 51.041.155 votos (48,36%).


“O Aécio foi eleito em 2014”, disse o presidente da República em entrevista à Rádio Guaíba, sem apresentar qualquer evidência.


Bolsonaro também voltou a defender o voto auditável e disse que, sem o artifício, um dos lados da disputa questionaria o resultado e que, “obviamente”, este seria o lado dele.

“Algum lado pode não aceitar o resultado. Este lado, obviamente, é o nosso lado”, afirmou.

Bolsonaro afirmou que “a democracia se vê ameaçada por alguns de toga” e acusou o presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Luís Roberto Barroso, de ser contra o voto impresso por interesses próprios.


“Por que Barroso não quer transparência nas eleições? Porque ele tem interesse pessoal nisso​”, afirmou.


A Tribuna do Cariri

MaisPB

0 comentário

BLOG