• A Tribuna Do Cariri

Filme produzido em Boa Vista concorre em festival internacional de cinema



O filme em animação ‘A botija’ produzido no município paraibano de Boa Vista com direção e roteiro de Joana Menara Soares, concorre a premiação no FICI – Festival Internacional de Cinema Infantil na categoria Prêmio Brasil – Histórias Animadas por meio de voto popular.

A animação foi produzida a partir de contemplação na lei Aldir Blanc e a produção foi apoiada pela Prefeitura Municipal de Boa Vista/PB por meio da Secretaria de Educação, Turismo, Cultura e Desportos.


Com produção de Flávio Alex Farias, dublagem de Rebeca Soares e ilustrações do boavistense William Andrade, ‘A botija’ em seu enredo conta a história de Lavínia, uma menina muito curiosa, que viaja no tempo através das memórias do seu avô. Nesse episódio, Manoel conta a história de um homem que se aventura em busca de uma botija que recebeu em sonho.


A animação transita entre elementos como suspense, drama e comédia e nos insere em um cenário de fantasia e aventura em busca pelo desconhecido. Essa é uma produção que busca manter viva a tradição de contar histórias, associando a cultura da oralidade com as artes e a animação.


Desde a primeira edição, em 2003 – quando apresentou cinco filmes brasileiros e dez de outros nove países –, o Festival Internacional de Cinema Infantil já exibiu mais de 1.800 títulos, de 36 países, para um público superior a 1,8 milhão de espectadores (dos quais 930 mil alunos e professores da rede pública de ensino, muitos em seu primeiro contato com o cinema).


‘A botija’ também já foi exibida no FARCUME – Festival Internacional de curtas-metragens de Faro em Portugal e, além disso, encontra-se em formato de gibi. Para votar na animação é preciso fazer um rápido cadastro na plataforma do FICI e, após assistir o filme completo, concluir o procedimento de votação. A disputa popular segue até o próximo dia 20 de dezembro.

0 comentário

BLOG