• A Tribuna Do Cariri

Tirando onda, Aguinaldo: daqui a pouco o Republicanos vai querer formar chapa de Veneziano e Nilvan



O deputado federal Aguinaldo Ribeiro (Progressistas) rebateu nesta sexta-feira (17), as reclamações do Republicanos de que não houve diálogo com a legenda para que o Progressistas indique a vice na chapa de reeleição do governador João Azevêdo (PSB).


Em entrevista à Rádio Jovem Pan, de João Pessoa, o parlamentar assegura que conversou com o presidente do Republicanos, deputado federal Hugo Motta, sobre a construção de uma unidade, mas a manutenção do apoio a Efraim Filho (União Brasil) para o Senado dificultava um entendimento antes das convenções.


“Eu coloquei que como não existe essa possibilidade, esse processo só iria continuar se arrastando até o dia da convenção. E eu acho que não era justo nem comigo e nem com o meu grupo o que estava se barregando para levar isso para última hora. Eu disse que estava na hora de decidir e decidimos”, argumentou.


“O que eu acho é que não dá para formar a chapa de Pedro, formar a chapa de João, daqui a pouco eles vão querer formar a chapa de Veneziano, a chapa de Nilvan… As pessoas não vão entender. Você tem que participar de uma chapa só. Gosto muito do deputado Hugo, tenho muito respeito por ele, mas acho que é preciso partir para essa unidade. Está todo mundo junto, dentro de uma mesma chapa, tem aí o Senado para eles indicarem, eu não tenho problema nenhum com ninguém”


Para Aguinaldo Ribeiro Hugo Motta precisa repensar a posição do Republicanos sobre a decisão de manter apoio ao governador João Azevêdo e, por outro lado, defender a pré-candidatura de nome da chapa de oposição.


“Nós conversamos várias vezes em relação ao Senado. Essa conversa mole para tentar justificar que está de um lado de um cara que era da base e saiu e querer continuar de um lado e de outro, isso aí não cola. O povo não é besta não”, afirmou.


Com MaisPB

0 comentário

BLOG